O Menino e o Mundo

O Menino e o Mundo

Após estrear na direção de longas com o premiado Garoto Cósmico, Alê Abreu lança, em 17 de  janeiro de 2014, O MENINO E O MUNDO. Sofrendo com a falta do pai, um menino parte em sua busca. Na jornada descobre aos poucos a realidade que o circunda, um mundo fantástico dominado por máquinas-bichos e estranhos seres, revelando também aos espectadores o seu olhar ingênuo diante de questões existenciais, culturais e políticas em um mundo globalizado.

Buscando revelar o ponto de vista do menino, e na contramão da estética padronizada das atuais produções animadas, o filme encontra uma linguagem própria, partindo da simplicidade das garatujas infantis e criando um universo lúdico, colorido e em alguns momentos quase abstrato. Utilizando diversas técnicas artísticas como desenhos, pinturas e colagens, misturando materiais como lápis de cor, giz de cera, canetinhas etc., o filme convida o espectador a embarcar no mundo de sonhos da criança e mergulhar em um universo onde tudo é possível.

A trilha sonora de O MENINO E O MUNDO conta com participação do percussionista Naná Vasconcelos, Barbatuques e GEM - Grupo Experimental de Música interpretando as composições de Gustavo Kurlat e Ruben Feffer. Emicida compôs o rap Aos Olhos de Uma Criança especialmente para o filme. Os poucos diálogos da trama acontecem numa língua “ao contrário” e as músicas também foram compostas assim. Um grande desafio para atores, compositores e cantores.