25/05/2020 - 09:17

Snyder Cut de Liga da Justiça não terá refilmagens

Segundo o site, apenas diálogos adicionais podem ser acrescentados

Estreias

Segundo as informações do próprio Zack Snyder, Liga da Justiça será "algo completamente novo", isso não significa que os atores irão participar de gravações de novas cenas. Trechos que não foram utilizados, vão ser aproveitados e o elenco, deve apenas gravar diálogos extras.

O jornalista Umberto Gonzalez, afirmou que Snyder não fará novas filmagens para a sua nova versão do longa, apesar de que o diretor tenha tentado negociar.

Saiba mais

"Não vai ter refilmagens de nenhum tipo com nenhum dos atores, apenas diálogo adicional. Eis algo que não foi reportado ainda: [Snyder] queria gravar e queria fazer filmagens adicionais, mas o HBO Max disse que não, isso não vai acontecer. Nós daremos a você dinheiro para pós-produção, efeitos especiais, trilha sonora e até diálogos adicionais, mas sem refilmagens de nenhum tipo nesse filme."

A técnica para adicionar novos diálogos sem refilmagens é chamada da "ADR" ou "Automated Dialogue Replacement" e é bastante utilizada no cinema. Nesse caso os atores retornam ao estúdio apenas para gravar a voz, redublando cenas previamente gravadas, para melhorar a qualidade do áudio ou refletir mudanças no diálogo.

O jornalista segue:

"O filme é basicamente isso e pronto. Isso é para… Fechar o loop, para finalizar a história. Talvez não a história toda, pois ele tinha um plano para três a cinco filmes. Mas este Snyder-verse, como vou chamar, vai finalizar com o Snyder Cut. Não espere nenhum spin-off para o Batman ou com o Ben Affleck como Batman nem nada disso."

O Snyder Cut trata-se de uma versão do longa concebida por Zack Snyder antes de se ausentar da produção por motivos pessoais e anterior às mudanças feitas por Joss Whedon, o diretor escolhido para substituir Snyder.

Liga da Justiça estreou nos cinemas em novembro de 2017 e arrecadou US$ 657 milhões em bilheteria. A nova versão chega em algum momento de 2021.